A ANATEL abriu a Consulta Pública nº 51, em 18 de junho de 2020, para colher subsídios da sociedade no processo de revisão do Regulamento de Uso do Espectro de Radiofrequências – RUE, aprovado pela Resolução ANATEL nº 671, de 3 de novembro de 2016.

Ao todo, foram definidos 7 temas para tomada de subsídios, sendo eles:

  • Tema 1 – Incorporação das determinações do Conselho Diretor constantes do projeto de revisão do Modelo de Gestão do Espectro;
  • Tema 2 – Tratamento regulatório para emissões não intencionais;
  • Tema 3 – Coordenação de uso de radiofrequências;
  • Tema 4 – Prorrogação da autorização de uso de radiofrequências;
  • Tema 5 – Acesso ao espectro e mercado secundário;
  • Tema 6 – Autorização em caráter secundário;
  • Tema 7 – Consolidação normativa.

A atualização do RUE é bastante aguardada não apenas pelos players do setor de telecomunicações, mas por todos que vislumbram oportunidades nos potenciais da rede móvel 5G e demais tecnologias sem fio. O arcabouço regulatório sobre o uso do espectro de radiofrequências deve ser capaz de fomentar o crescimento desse mercado e de suas aplicações, com estabilidade e segurança jurídica, motivo pelo qual os temas objeto de tomada de subsídios devem passar por revisão.

Os interessados poderão enviar contribuições e sugestões devidamente identificadas até 18 de agosto de 2020, sendo necessário encaminhá-las exclusivamente por meio de formulário eletrônico do Sistema Interativo de Acompanhamento de Consulta Pública (SACP), disponível neste link, onde também é possível acessar os demais documentos e a exposição de motivos relativos à Consulta Pública.