"Reconhecido, com sólido apoio de especialistas do mercado, como 'um advogado muito bem preparado e responsivo'."

Cliente afirma que: "É bastante técnico e um líder."

Chambers Latin America, ed. 2020

Geral

Michel Sancovski é sócio da prática de Anticorrupção & Compliance do Tauil & Chequer Advogados em São Paulo. Sua atuação se concentra em compliance e anticorrupção, e sua experiência inclui assessoria em casos anticorrupção, considerando as legislações local e estrangeira, coordenação de grandes investigações empresariais de alta complexidade, desenvolvimento, revisão e implementação de programas de compliance, due diligence anticorrupção em terceiros e no contexto de operações de fusões e aquisições. Michel ainda tem vasta experiência na cooperação com autoridades brasileiras e americanas, assim como na negociação de acordos de leniência.  Ele é também professor convidado de renomadas instituições para ministrar cursos de formação em compliance, e tem grande experiência com treinamentos na área para altos executivos.

Michel coliderou e coordenou os trabalhos da que é considerada uma das maiores investigações internas do mundo, tendo ocupado posição de destaque na interação com o Comitê Especial independente de investigação e com o Conselho de Administração da companhia.

Em 2019 e 2020, Michel foi nomeado pela Global Investigations Review e Who’s Who Legal como Futuro Líder na área de investigações, que tem foco nos principais profissionais com menos de 45 anos.

Idiomas

  • Português
  • Inglês
  • Espanhol

Experiência

Principais casos/assuntos:

  • Co-liderou e coordenou os trabalhos da investigação interna independente da Petrobras – considerada uma das maiores investigações internas do mundo – sobre as alegações de pagamento de propina envolvendo a companhia.  Ocupou posição de destaque na interação com o Comitê Especial independente de investigação, o Conselho de Administração da companhia, autoridades brasileiras (Ministério Público Federal em São Paulo, Brasília e Rio de Janeiro, Comissão de Valores Mobiliários – CVM, e o Ministério da Transparência e Controladoria Geral da União (CGU), e autoridades americanas (U.S. Department of Justice and U.S. Securities and Exchange Commission).
  • Representou o acionista majoritário de duas empresas brasileiras de infraestrutura nas negociações de um acordo de leniência com a força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, que resultou no pagamento de mais de 1 bilhão de reais pelas empresas.
  • Liderou uma grande investigação interna de possíveis irregularidades relacionadas a investimentos feitos por uma subsidiária de uma das maiores empresas brasileiras de energia, além de auxiliar na elaboração e implementação do plano de remediação. A investigação incluiu mais de 50 funcionários e seu resultado pode ter contribuído para a quebra de sigilo financeiro da empresa no Brasil e nos Estados Unidos. O trabalho também incluiu interações com várias autoridades brasileiras, como CVM, TCE-PR, MP-PR e a polícia. Foi conduzida uma shadow investigation por duas das Big 4, que ficaram confortáveis com os resultados da investigação interna, e a empresa pôde publicar seus demonstrativos financeiros em tempo. A empresa está listada na BM&FBovespa (atual B3) e na NYSE.
  • Liderou mais de vinte investigações internas para uma empresa química internacional, relacionadas a fatos, alegações e possíveis irregularidades denunciadas internamente, incluindo recomendações ligadas às investigações para melhorias à empresa sob a perspectiva de compliance, além de abordar várias questões levantadas diretamente pelo Departamento de Compliance e por partes interessadas externas.
  • Liderou uma grande investigação interna para uma empresa brasileira de infraestrutura na região centro-oeste, com respeito a certas alegações de corrupção e apropriação indébita resultantes de uma operação conduzida pela Polícia Federal, incluindo assessoria para remediar e melhorar o programa de Anticorrupção e Compliance da empresa. Os serviços também incluíram assessoria jurídica ao Comitê de Investigação para lidar com as conclusões da investigação, além de interagir com as autoridades e com a empresa de auditoria responsável por certificar os demonstrativos financeiros da empresa.
  • Prestou assessoria jurídica estratégica e aconselhamento em questões de compliance e anticorrupção para uma empresa asiática de comércio e investimentos sobre possíveis implicações para os negócios de uma empresa brasileira, por conta das alegações de possíveis violações de compliance descobertas em uma operação da Polícia Federal na investigação de um ex-presidente brasileiro.
  • Liderou investigação interna independente multijurisdicional de empresa internacional líder na área de tecnologia médica e de segurança, bem como na cooperação e negociação de acordo de leniência com o Ministério Público Federal no Rio de Janeiro (MPF/RJ).
  • Liderou duas investigações internas independentes na subsidiária brasileira de multinacional americana da área de tecnologia da informação sobre potencial pagamento de vantagem indevida a funcionário público no Brasil e possível fraude para benefício próprio de um ou mais empregados da área de vendas da empresa.
  • Liderou investigação interna independente na subsidiária brasileira de empresa multinacional atuante na indústria de comidas e bebidas sobre determinadas alegações de pagamentos indevidos relacionados à Operação Carne Fraca.
  • Liderou investigação interna independente na subsidiária brasileira de empresa multinacional atuante na indústria de bebidas sobre patrocínios realizados a pessoa jurídica cujo sócio estava envolvido na Operação Zelotes.
  • Liderou avaliação de risco (risk assessment) e implementação de Programa de Compliance em multinacional do setor automotivo.
     

Formação Acadêmica

University of California, Berkeley School of Law, LLM, Mestrado em Direito com o Business Law Certificate

Fundação Getúlio Vargas (FGV/SP), especialização em Direito

Universidade Presbiteriana Mackenzie, Bacharel em Direito

Inscrições

Ordem

  • Brasil

Atividades

  • Professor convidado do IBGC (Instituto Brasileiro de Governança Corporativa), Rio de Janeiro, Brasília, Curitiba e São Paulo.
  • Diretor do IBRADEMP (Instituto Brasileiro de Direito Empresarial), São Paulo
  • Professor convidado do ComplianceLab-Mack, Faculdade de Direito da Universidade Presbiteriana Mackenzie, São Paulo.
  • Membro, Comissão Permanente de Estudos sobre Compliance, Instituto dos Advogados de São Paulo – IASP, São Paulo.
  • Embaixador da Berkeley Law no Brasil, São Paulo.
  • Membro da Ordem dos Advogados do Brasil, São Paulo.
  • Recomendado na área de Compliance. - Leaders League, ed. 2020
  • Reconhecido, com sólido apoio de especialistas do mercado, como 'um advogado muito bem preparado e responsivo'. Cliente afirma que: "É bastante técnico e um líder. – Chambers Global, ed. 2020
  • Listado em WWL: Investigations – Future Leaders 2020, uma pesquisa conduzida pelo Who’s Who Legal (WWL) e pelo Global Investigations Review (GIR). – Who's Who Legal, ed. 2020
  • "(…) representa clientes multinacionais e locais do escritório em investigações internas, acordos de leniência e procedimentos administrativos." - The Legal 500, ed. 2019 
  • "Reconhecido, com sólido apoio de especialistas do mercado, como 'um advogado muito bem preparado e responsivo'.“ Cliente afirma que: "É bastante técnico e um líder.“ - Chambers Latin America, ed. 2020
  • Listado em WWL: Investigations – Future Leaders 2019, uma pesquisa conduzida pelo Who’s Who Legal (WWL) e pelo Global Investigations Review (GIR). – Who's Who Legal, ed. 2019